aparecimento de flores em ipês dura cerca de 10 dias

Manaus (AM) – A Avenida Djalma Batista, localizada na Zona Centro-Sul de Manaus, ganhou toque de beleza devido aos ipês que floresceram no meio-fio. Segundo a bióloga Rosany Martins, o período de aparecimento das flores dura pouco mais de uma semana, podendo chegar a ten dias. Além da beleza pure, a planta traz diversos benefícios aos seres vivos e ao meio ambiente.

“Os ipês trazem valor estético, sombreamento, conforto térmico, servem de alimento para pássaros e insetos, são utilizados em projetos de reflorestamento, recuperação de áreas degradadas e também possuem alto potencial econômico devido à alta qualidade de sua madeira”,

explica Rosany.

Foto: Keynes Breves/Semmas

Segundo o especialista, os ipês são plantas ornamentais pertencentes à família Bignoniaceae. Entre as espécies com floração mais exuberante estão os ipês-roxos/ipês-rosas (várias espécies do gênero Handroanthus sp.), os ipês-amarelos (várias espécies do gênero Handroanthus sp.) e os ipês-branco (Tabebuia roseoalba) . Na Avenida Djalma Batista, você encontra espécies rosadas, brancas e amarelas.

dano estrutural

Algumas pessoas se preocupam com os danos que a planta pode causar se crescer a ponto de rasgar as faixas de tráfego, pois o ipê pode atingir até 20 metros de altura. No entanto, o biólogo diz que, justamente por causa das espécies da plantaé necessário fazer um planejamento urbano e avaliar o native recomendado para o crescimento da árvore.

“Dependendo da espécie [as raízes podem quebrar o solo]. Os ipês amarelo e branco podem ser plantados nas calçadas, pois têm floração precoce e são árvores menores quando comparadas ao ipê roxo”,

relatórios.

O diretor de arborização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), Deyvson Braga, afirma que “o ipê tem um sistema radicular muito ramificado, mas não é excessivamente agressivo ao pavimento. Ao manter uma área permeável adequada ao redor das árvores, a ocorrência de afloramentos de raízes é reduzida. Mesmo em casos possíveis [de as raízes abrirem o solo]poda de raízes pode ser realizada desde que o ipê apresente boa regeneração”.

mais beleza pure

Deyvson diz que além dos ipês, outras espécies de plantas ornamentais foram plantadas em outras ruas da cidade diversificar e garantir o equilíbrio da paisagem, além de promover a atratividade da comunidade.

“Diferentemente da Avenida Djalma Batista, em outras ruas e espaços públicos, foi associada a outras espécies visando maior diversidade de espécies utilizadas na arborização. A diversificação das espécies utilizadas na arborização urbana está prevista no Plano de Arborização de Manaus e é importante para garantir um percentual equilibrado entre espécies nativas e exóticas, a fim de reduzir os riscos fitossanitários e promover a atratividade para a fauna”.

completo.

do outro lado do mundo

Na Coreia do Sul existem vários festivais por causa das cerejeiras que florescem em diferentes estações em cada região do país e simbolizam pureza e beleza, pois saem da estação fria para a primavera. Foto: reprodução

A floração dos ipês em Manaus lembra o pageant das cerejeiras que acontece na Coreia do Sul, principalmente em relação ao período de aparecimento das flores. Na Coreia do Sul, as flores de cerejeira duram cerca de duas semanas e depois começam a cair. Os ipês têm praticamente a mesma durabilidade, chegando até 10 dias após a floração.

No Brasil, cerejeiras de várias espécies são cultivadas na região sul, onde a temperatura fria é propícia para o cultivo da árvore e as flores costumam aparecer de setembro a novembro, período da primavera. Os ipês, por serem plantas que necessitam de calor, têm sua floração entre junho e novembro. No entanto, cada espécie tem sua época de floração.

Os primeiros ipês a florir são os ipês-roxos/ipês-rosas, depois os ipês amarelos e por fim os ipês considerados mais raros, os ipês branco e verde. Apesar de existirem diferentes épocas para floração, nem sempre isso é regra, pois condições climáticas como a presença de chuva e frio podem interferir no período de floração dos ipês, fazendo com que todos floresçam ao mesmo tempo.

Consulte Mais informação:

Começa nesta quinta-feira (18) a programação da 1ª Feira de Pesca Esportiva, Ecoturismo e Turismo de Aventura na Amazônia

Orquestra promove pageant com trilhas sonoras de filmes clássicos em Manaus

Tenório Telles lança “Estudos de Literatura da Amazônia” nesta quarta-feira (17)

Leave a Comment

A note to our visitors

This website has updated its privacy policy in compliance with changes to European Union data protection law, for all members globally. We’ve also updated our Privacy Policy to give you more information about your rights and responsibilities with respect to your privacy and personal information. Please read this to review the updates about which cookies we use and what information we collect on our site. By continuing to use this site, you are agreeing to our updated privacy policy.