De referência como influenciadora de beleza a empreendedora de sucesso: a trajetória meteórica de Franciny Ehlke – Vogue

De referência como influenciadora de beleza a empreendedora de sucesso: a trajetória meteórica de Franciny Ehlke (Foto: Divulgação)

Mais de 32 milhões de seguidores seguem Franciny Ehlke nas redes sociais, interagindo com fotos, vídeos e tutoriais publicados pela influenciadora nas principais plataformas do momento, como Instagram, TikTok e YouTube. Em sua marca de beleza, FRAN by Franciny Ehlke, os números também surpreendem e o faturamento da empresa chegou a R$ 76 milhões em apenas sete meses de lançamento. Como se não bastasse esse surpreendente conjunto de dados, a influenciadora acumulou recentemente outra quantia vertiginosa: a venda de R$ 1,5 milhão em apenas uma hora de uma edição limitada de maquiagem lançada para comemorar seu aniversário, chegando a vender metade o estoque do produto. nesse curto período de tempo. O segredo para tanto sucesso? “Tenho um público muito fiel, que me acompanha desde os 15 anos, quando comecei a produzir conteúdo para web, e praticamente cresceu comigo. Sempre me dediquei muito a tudo que produzi e acredito que criei uma relação muito forte de confiança e credibilidade com quem me segue”, conta a empresária.

Pure de Curitiba, Paraná, Franciny iniciou sua carreira como influenciadora ainda adolescente de forma despretensiosa, gravando vídeos de sua rotina para o YouTube. A maquiagem entrou em sua vida aos poucos e foi criando tutoriais que ela começou a se sentir mais confiante na profissão, decidindo focar sua produção de conteúdo nesse mercado. Em pouco tempo, já period dona de uma das maiores plataformas de beleza do país. “O crescimento foi gradativo, comecei a perceber a influência que tinha quando as pessoas me paravam em alguns lugares para dizer que meu canal estava ajudando de alguma forma, que eu estava impactando positivamente a vida deles. Foi então que entendi que poderia haver um propósito maior por trás de tudo isso”, disse ela.

O desejo de criar sua própria marca de maquiagem é antigo e cresceu à medida que ela trocava com os fãs e through a necessidade de mais cosméticos nacionais de qualidade que entregassem a efficiency almejada pelas consumidoras. “Comecei a falar da minha vontade de ser empreendedora, de ter produtos criados por mim, e o suggestions foi muito positivo, tive apoio imediato. A partir daí, comecei a pesquisar o assunto e entender como viabilizar a ideia”, explicou.

A importância da mentoria

Foi com o incentivo de outras mulheres que a ajudaram a explorar seu potencial que Franciny decidiu embarcar nesse sonho de uma vez por todas. “Uma das pessoas que o apoio foi essencial para mim foi Huda Kattan, criador da Huda Magnificence. Sempre fui uma grande fã dela, que tem um império mundial de maquiagem. Durante a pandemia, começamos a ter contato e até gravamos um tutorial juntos por videoconferência. Conversando com ela, compartilhei esse sonho e disse a ela que ainda estava muito insegura, que não sabia se conseguiria. Ela me aconselhou, disse que through muito dela em mim, que sempre foi atrás do que queria apesar da pouca idade e que eu não deveria pensar em desistir por medo. Deu muito gás, porque uma personalidade que eu tanto admirava por me aconselhar dessa forma, period o incentivo que eu precisava”, disse ela.

Franciny Ehlke (Foto: Divulgação)

De referência como influenciadora de beleza a empreendedora de sucesso: a trajetória meteórica de Franciny Ehlke (Foto: Divulgação)

Pouco tempo depois, juntou-se a Flávia Montebeller, fundadora da empresa MBOOM, que cria marcas de beleza, para desenhar FRAN by Franciny Ehlk. “Eu já a conhecia pelo trabalho que ela teve com outros influenciadores e, quando nos conhecemos, ela me passou muita confiança, com toda sua experiência no mercado, que conseguiríamos entregar a qualidade que eu procurava sem ter cobrar um preço exorbitante, que period o que eu não queria oferecer ao meu público. Antes de iniciarmos a parceria, eu estava desanimada porque não conseguia me apaixonar pelas opções cosméticas que me foram propostas. Ela trouxe todo seu conhecimento de advertising, farmacêutico e eu sobre meus seguidores, sobre o mercado de beleza, o que funciona e o que não funciona. Unimos forças e ela me disse: ‘Vamos mostrar o poder que as mulheres têm de empreender juntas’. Então nós entramos nisso.”

Sucesso imediato: estratégia de advertising e conscientização do público

Após intensa pesquisa, testes e desenvolvimento de formulações, a FRAN by Franciny Ehlke foi lançada em outubro de 2021 com 35 produtos em seu portfólio. Em cerca de três meses após a criação da marca, as vendas já somavam mais de R$ 38 milhões e os cosméticos circulavam nas prateleiras dos maiores varejistas do país, da Riachuelo à Sephora. “Estávamos muito confiantes, não vou mentir, porque acredito que precisamos trabalhar muito a nossa confiança antes de começar qualquer coisa. Estávamos orgulhosos de tudo o que desenvolvemos e acreditávamos que as pessoas iriam gostar da nossa proposta. Claro que não imaginávamos que tudo seria tão rápido, mas foi uma surpresa mais do que positiva e uma prova de que estávamos no caminho certo”, disse.

Antes do lançamento da marca, a equipe desenvolveu uma estratégia de advertising focada em criar curiosidade sobre o que estava por vir. “Decalquemos um ônibus que percorreu São Paulo por uma semana com o logotipo da marca; tivemos um pop-up; Desenvolvi uma comunicação específica para minhas próprias redes sociais, arquivando todas as minhas publicações anteriores para gerar comoção. Tudo isso chamou a atenção do público. Acredito que o sucesso veio muito da divulgação correta e também da troca constante com os fãs”, completa.

A estratégia deu certo mais uma vez após o lançamento da edição especial de aniversário de Fran, a primeira do gênero feita pela linha e que vendeu números exorbitantes em pouco tempo. “Nunca tínhamos feito uma edição limitada e não imaginávamos que as pessoas abraçariam essa ideia tão rapidamente. Nos inspiramos em Kylie Jenner e sua Kylie Cosmetics, que costumam criar esse senso de urgência com collabs e itens especiais, e o resultado foi muito positivo. Ela é até uma grande inspiração para mim e para o negócio, pois consegue criar um storytelling que envolve as pessoas”.

Franciny Ehlke (Foto: Divulgação)

De referência como influenciadora de beleza a empreendedora de sucesso: a trajetória meteórica de Franciny Ehlke (Foto: Divulgação)

universo da beleza

“Sempre fui muito tímida, acredito que tenha a ver com minhas inseguranças. Percebo que, desde mais nova e comecei a me maquiar, a entrar no mundo da beleza, senti que esse universo me empoderou, me deu coragem e confiança para falar, para ser quem eu sou. Passei a ver a importância disso e também o impacto positivo nas pessoas, que meu conteúdo ajudou a aumentar a autoestima delas. Isso foi tão valioso para mim que mudou minha vida. Eu não acho que a maquiagem existe para esconder nada, ela existe para nos ajudar a nos expressar e ser quem queremos ser.”

Empreendedorismo jovem e o futuro

“Ainda sinto a dificuldade de mostrar meu poder sendo tão jovem e mulher. Tenho muito orgulho de quem sou hoje e do que já construí, pois sei de todo o esforço e empenho que tive para chegar até aqui. Como comecei muito cedo, passei por muitas experiências e fui aprendendo e evoluindo como profissional. Apesar de saber que tenho plena capacidade e mérito, ainda bate de vez em quando em uma reunião aquela sensação de insegurança, de dificuldade em vender uma ideia por ser uma jovem. É por isso que também adoro trabalhar com outras mulheres, porque sinto que nos apoiamos muito e damos força umas às outras. Espero que esse cenário mude com o tempo e nós, mulheres, não nos sintamos mais assim, essa intimidação”, diz.

Para o futuro da marca, além dos novos lançamentos de maquiagem previstos para este ano, Franciny diz que está estudando a criação de uma linha de skincare, demanda que vem como pedido frequente de seu público, e também para atender fãs no exterior. “Quero entrar nas lojas e ter uma grande variedade de itens da minha linha, assim como a própria Huda, que é um exemplo para mim. Também quero ter lojas físicas só para minha linha. Quem sabe o que está por vir?”, finaliza a empresária.

Leave a Comment

A note to our visitors

This website has updated its privacy policy in compliance with changes to European Union data protection law, for all members globally. We’ve also updated our Privacy Policy to give you more information about your rights and responsibilities with respect to your privacy and personal information. Please read this to review the updates about which cookies we use and what information we collect on our site. By continuing to use this site, you are agreeing to our updated privacy policy.