“Sentimental Animal” – Mísia em modo autobiográfico

“Animal Sentimental” é o nome de um novo álbum, um livro e um concerto. o protagonista é mísia. Com essa dose tripla, a cantora quis escrever uma autobiografia e também comemorar os mais de 30 anos de carreira de gravadora.

“Este disco, que também é um livro, é muito sobre mim. Pela primeira vez, contamino estes três aspectos: o disco, o livro e o concerto são sobre a minha história, desde o dia em que nasci até hoje. apenas uma história artística, é uma história pessoal também. O título é um conceito que me outline: “Animal Sentimental”. Sou uma pessoa que sente tudo com muita intensidade e sou muito grata à vida por ter essa habilidade, porque me salvou em tempos realmente difíceis”, diz a cantora.

O concerto de apresentação é esta sexta-feira às Museu do Oriente em Lisboa: uma encenação de Tiago Torres da Silva sobre as duas heranças de Mísia: a portuguesa e a espanhola.

“Tenho um lado muito Almodovarian, muito espanhol, porque fui criado por duas espanholas, e tenho um lado português, mais Sombrio, mais profundo, mais reflexivo. Eu sou aquelas duas pessoas, além de outras, que não foram convidadas para o concerto. O concerto terá duas partes, que vão centrar-se nestas duas personalidades, duas formas de ser”, diz, sobre o espetáculo.

Em “Animal Sentimental”, mísia canta autores portugueses como Mário Cláudio, Lídia Jorge, Natália Correia, Fernando Pessoa e muitos outros.

Leave a Comment

A note to our visitors

This website has updated its privacy policy in compliance with changes to European Union data protection law, for all members globally. We’ve also updated our Privacy Policy to give you more information about your rights and responsibilities with respect to your privacy and personal information. Please read this to review the updates about which cookies we use and what information we collect on our site. By continuing to use this site, you are agreeing to our updated privacy policy.